Blog da Babs

pseudo-importantes

Lista das 101 coisas: Take II; Take I
Playlists: 2; 1

pesquisar

 

arquivo

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

Sexta-feira, 30 DE Janeiro DE 2009

100º post

Olá! Este é o primeiro post que escrevo com os meus 16 anos, e além do mais é o post nº 100.

E já que estamos em festejos, gostava de vos mostrar uma coisa que já estava guardada há um tempo: a "criação artistica" da minha querida e inteligente amiga Marta B. - o desenho foi feito por mim, e o "conceito" é dela:

 

 

E para vos aborrecer um bocadinho mais, aqui vão dois desenhos que fiz há bocado enquanto a minha irmã desenhava os seus rabiscos engraçados:

 

 

 

Tenham um excelente fim-de-semana!

Babs às 22:21
sinto-me:
Terça-feira, 27 DE Janeiro DE 2009

Aniversário

"E na véspera do seu 16º aniversário, ela picará o dedo no fuso de uma roca e morrerá." by Maléfica in "Bela Adormecida".

 

Ainda estou à espera.

 

 

Oh. E amanhã faço anos.

[E estou profundamente triste com aqueles que pensavam que o acontecimento importante de amanhã fosse o teste intermédio do 10º ano]

Babs às 18:25
sinto-me: quase-sweet sixteen
Segunda-feira, 26 DE Janeiro DE 2009

Adivinhem...

...o que acontece 4ª feira.

Babs às 17:44
Sábado, 24 DE Janeiro DE 2009

O quê?

Não sei qual é o critério que vocês usam quando criam um endereço de email. Eu tenho uma série de endereços: desde o sapo, ao hotmail, passando pelo gmail, yahoo e netcabo. O critério principal é não colocar o meu nome e apelido, visto que tudo somado dá 18 caracteres, o que é demasiado longo.

 

Na verdade, entre os 5 emails que tenho no hotmail, só uso o mais antigo com um endereço piroso, por não ter paciência para avisar os meus contactos dos outros endereços. Esse é o mail que uso (exclusivamente) para o MSN. Para enviar/receber emails costumo usar outro cujo nome de utilizador é:

justnothappening

 

Nunca tive problemas com este nome. Era engraçado, estava disponível, e não me parecia longo. E tudo correu às mil maravilhas desde então.

 

Há menos de 15 minutos descobri pela primeira vez o inconveniente de escolher estas inglesices como endereço. Quando hoje queria dizer o raio do email ao telefone, a propósito da marcação do jantar de aniversário, tive de repetir duas vezes o endereço completo. A pessoa do outro lado estava notavelmente à nora do que lhe estava a ser dito. E quando ía a repetir "justnothappening" - bem devagarinho, com a melhor pronúncia que consigo - o senhor sugere para eu soletrar. No problem!

Passei 5 minutos da minha vida a soletrar "j", "u", "s" (etc.) enquanto a pessoa do outro lado ía tentando encontrar forma de ler a palavra que se ía formando: "juste"? "jâst?", "jiust"?  No final, depois de confirmar as letras 4 vezes, como se se tratasse de um nº de telefone, acredito que consegui dar o endereço correctamente.

Ainda assim, o senhor  - que já agora, era muito simpático - disse que caso o envio do email falhasse me voltaria a contactar, e aconselhou-me vivamente a arranjar outro endereço - desta vez - em português.

Babs às 17:03
sinto-me:
Quarta-feira, 14 DE Janeiro DE 2009

Karma?

Depois de receber três emails repetidos, decidi-me a abrir um deles. Li na diagonal o powerpoint anexado. Uma coisa qualquer sobre o karma...blablabla...meia dúzia de slides para me conduzirem à brilhante conclusão que se não reenviasse o mail seria atingida pelo azar. "Fantástico."

Cliquei para fechar o powerpoint, e nesse momento o escritório ficou às escuras, iluminado apenas pela luz do meu portátil. A luz tinha faltado.

 

Faltar a luz foi provavelmente o melhor que aconteceu no dia de hoje! Impossibilitou-me de estudar o ciclo de azoto que deveria rever para amanhã (desculpa que dei a mim própria: "não posso estragar a vista a ler às escuras"), e não me atormentei por não estar a fazer exercícios de Geometria. Visto que não costumo dormir totalmente às escuras, acabei mesmo por ficar no computador a ver o Feiticeiro de Oz e a imaginar como seria espectacular se subitamente com o apagão, viesse também um tornado como no filme, que me levasse à terra para lá do arco-íris.
 

 

 

 

Moral do post: não reenviar este tipo de emails.

tags:
Babs às 23:34
sinto-me:
música: "somewhere over the rainbow" - wizard of oz

pesquisar

 

Janeiro 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
28
29
31

comentários recentes

  • Ola Sara! No project free tv ha as 3 primeiras tem...
  • Olá :) Podes-me dizer onde viste os episódios da R...
  • Ai, a inveja que eu tenho de ti! ;) Essa cidade é ...
  • por acaso eu também gosto de ter o meu quarto semp...
  • fico muito contente que te tenhas divertido em lon...
  • Em relação ao último post, eu tenho a mesma perspe...
  • Olá BárbaraDesculpa chatear através dos comentário...
  • Olá! Desafiaram me a fazer uma tag que tinha de re...
  • Tenho um desafio para ti no meu blog (http://senti...
  • não consigo comentar o post do aniversário do teu ...

arquivo

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

blogs SAPO


Universidade de Aveiro